Afinal, o que é o seguro viagem?

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 28 de dezembro de 2017 às 19:24

Ao planejar a viagem, as pessoas se preocupam com o destino, passagens, hotéis, passeios, documentos, enfim, tudo o que é necessário para um período de descanso e diversão.

No entanto, muitas esquecem de contratar um seguro viagem, outro item que pode ser muito importante nesses momentos.

Ninguém está livre de ter uma intoxicação alimentar ou sofrer um acidente, infelizmente, imprevistos acontecem e o seguro viagem pode ajudar você a passar por este momento sem muito estresse.








No caso de viagem internacional, é essencial considerar a contratação de dois serviços obrigatórios, o seguro viagem e o seguro saúde internacional, que juntos são comercializados como Assistência Viagem.

A assistência é obrigatória em alguns países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen, como: Portugal, Alemanha, França, Espanha, entre outros.

A Assistência Viagem deve ser contratada mesmo quando o país de destino não exige o seguro.

É preciso ter consciência de que imprevistos com saúde podem acontecer em qualquer lugar do mundo.

A diretora de Personal Lines da corretora BR Insurance, Ana Badaró, lembra que no mercado é possível encontrar várias soluções que se adequam às necessidades do viajante e que irão proporcionar segurança e tranquilidade para toda a família.

“É importante ficar atento às coberturas oferecidas e contratar um seguro que seja adequado ao seu perfil, e também conhecer os riscos e sinistros que não estão cobertos”, observa a executiva.

Para as viagens domésticas é ainda menos comum as pessoas pensarem na contratação.

Existem muitas dúvidas sobre as coberturas do seguro viagem e saúde.

Nos últimos anos, no Brasil, muitas empresas, para não acabarem com o benefício do plano de saúde aos seus funcionários, deixaram de adotar o plano nacional e passaram a oferecer o regional.

Ou seja, se você for viajar para outro estado e chegando lá tiver algum problema que precise ir a um hospital, essa pessoa terá que usar o sistema público de saúde ou pagar uma consulta particular.




Antes de contratar o seguro médico internacional e o seguro viagem é importante ficar atendo a alguns itens:

  • Leia atentamente o contrato e certifique-se que está contratando o pacote completo que inclui os dois serviços. Lembre-se que para a Europa esse seguro é obrigatório
  • O seguro médico deve ser adaptado ao perfil da sua viagem, aventura, esportes radicais, com crianças, históricas, etc. É importante ter em mente que os riscos são diferentes dependendo do tipo de atividade a ser realizada na viagem.
  • Após ler o contrato, certifique-se da documentação necessária para acionar o seguro em caso de sinistro, e também a documentação para solicitação de reembolso das despesas, como recibos e notas fiscais.
  • Ande sempre com o contrato na bagagem de mão junto com os demais documentos. Em caso de extravio da bagagem você vai precisar acionar o seguro e necessitará do contrato.

Caso precise acionar o seguro, faça o primeiro contato com o número de assistência que está no contrato.

Os canais de atendimento estão preparados para orientar na língua nativa do segurado e direcioná-lo para uma rede credenciada.