Começaram obras do novo viaduto do Royal Palm Plaza

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 1 de junho de 2017 às 07:35

Com informações do G1 Campinas
As obras do viaduto na altura do Km 91,8, sobre a Rodovia Anhanguera, começaram no último sábado, em Campinas, com prazo de conclusão até o terceiro trimestre (julho a setembro) de 2018.

A construção do equipamento, que abrirá um novo acesso à cidade, na altura do Jardim Nova Europa, é uma contrapartida do complexo Royal Campinas-Convention Business & Hotels, que promete ser um dos maiores complexos empresariais do País.

O empreendimento está sendo desenvolvido a partir de uma parceria entre o grupo Royal Palm Hotels & Resorts e a Odebrecht Realizações Imobiliárias (OR).

Além da construção do viaduto, a contrapartida envolve outras ações no trânsito da região. Neste final de semana, a estrutura do novo viaduto foi instalada nas duas marginais da Anhanguera.

O viaduto permitirá o escoamento do trânsito da Rodovia Lix da Cunha (SP-073) para o Centro, melhorando o trânsito da Avenida Prestes Maia (artéria principal de entrada em Campinas), além de contribuir para o fluxo do trânsito local.

A contrapartida também envolve rotatórias e alças de acesso das marginais da rodovia, sentido Capital-Interior. Também está prevista a implantação de semáforos e de sinalização viária; construção do trecho da Avenida Monsenhor Luiz Fernandez de Abreu; pontos de modernização semafórica; e melhoria e adequação do transporte público da microrregião na qual o Royal Campinas está inserido.

Foi entregue no ano passado, também enquanto contrapartida do complexo Royal Campinas, uma ciclovia no canteiro central da Avenida Baden Powell com 1,7 km de extensão por 2,5 metros de largura.




O que é novo empreendimento do Royal?

O Royal Campinas-Convention Business & Hotels terá um centro de convenções e exposições, que ocupará uma área de 4,5 mil metros quadrados. Haverá ainda dois hotéis de diferentes categorias, Mall com gastronomia e conveniência, além de escritórios e salas corporativas.

Com Valor Geral de Vendas (VGV) estimado em R$ 500 milhões, o empreendimento contará com aproximadamente 110 mil m² de área construída. A obra está dentro do cronograma previsto com conclusão da primeira fase (Royal Palm Hall), para agosto de 2018. O cronograma inicial previa o término das obras no primeiro trimestre, mas foi alterado.

O Royal Palm Hall vai ter no entorno 1.036 apartamentos, sendo 116 do hotel boutique The Palms, 384 do Royal Palm Plaza Resort, 226 do Royal Palm Tower e 310 do Hotel Contemporâneo.