Consórcio PCJ faz alerta para baixa quantidade de chuvas na região

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 12 de Fevereiro de 2018 às 07:23

Com informações do G1 Campinas
O índice de chuvas registradas em municípios da região de Campinas ficou abaixo da média histórica, em janeiro, o que deixou em alerta o Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (PCJ) sobre possível risco de crise hídrica durante o período de estiagem.

A instituição, que tem como fim a recuperação dos mananciais de sua área de abrangência, realizou um estudo que mostra que o reservatório do Sistema Cantareira, na Grande São Paulo, precisa chegar a 65% da capacidade até abril, para que seja evitado o drama vivenciado por moradores que tiveram racionamento do líquido em algumas cidades durante 2014.





Foto: Reprodução EPTV




Entre os municípios que tiveram chuvas abaixo do esperado no primeiro mês deste ano estão Campinas, onde a média é de 226mm e foram contabilizados 190mm; e Americana, onde a queda foi de 20% no valor considerado na série histórica.

De acordo com o consórcio, ainda que as chuvas de fevereiro e março ocorram dentro do previsto, a meta não deve ser atingida.

Com isso, ele faz um alerta sobre risco de comprometimento do abastecimento para os municípios dependentes dos rios Atibaia, Jaguari e Piracicaba.

A vazão que sai do Cantareira e chega aos rios da região está em 14 m³/s, somente 2 m³/s acima da mínimo para este período.