Justiça autoriza que Prefeitura de Campinas pague funcionários do Hospital Ouro Verde

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 5 de dezembro de 2017 às 22:17

Com informações do G1 Campinas
A Prefeitura de Campinas conseguiu na Justiça uma decisão que permite realizar diretamente o pagamento dos salários aos funcionários do Hospital Ouro Verde, que tinham vínculo trabalhista com a Organização Social Vitale Saúde.

O contrato com a Vitale foi rompido nesta semana após o Ministério Público instaurar a 1ª fase da Operação Ouro Verde, que investiga o desvio de R$ 4 milhões do setor da Saúde.








Sem esta decisão, a administração municipal não estava conseguindo efetuar o pagamento porque o banco informava que somente a Vitale poderia depositar os vencimentos dos funcionários e médicos.

Com isso, recursos que seriam destinados para a OS serão passados diretamente aos servidores contratados pela CLT nesta quarta-feira, enquanto profissionais contratados na modalidade pessoa jurídica terão vencimentos pagos no dia 15.

A categoria, que ficou três dias em greve, só aceitou suspender o movimento na segunda-feira após ter garantia de que os acertos seriam feitos pelo governo.

No despacho, o juiz da 2ª Vara Pública de Campinas, Wagner Roby Gidaro, disse não considerar inconstitucional o pagamento dos servidores por parte da administração pública.