Metade da frota de Campinas já está com o QRCode

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 4 de julho de 2017 às 06:39

Com informações do Correio Popular

Foto: Elcio Alves / AAN

Metade da frota do transporte público de Campinas já recebeu os validadores com leitores de QR Code.

A expectativa é de que até setembro todos os 1.250 veículos que operam o transporte coletivo urbano da cidade estejam com a nova tecnologia.

Os novos aparelhos foram instalados nos veículos das concessionárias Expresso Campibus, Onicamp Transportes Coletivos e VB Transportes.

SAIBA MAIS: sistema foi implantado primeiro nas linhas da Coletivos Pádova

O QR Code (sigla de Código de Resposta Rápida, em inglês) é um código de barras bidimensional que, quando estiver em operação, poderá ser gerado em tíquetes de papel ou por meio de smatphones para o pagamento de tarifa.

O pagamento com QR Code funciona a partir da compra, pelo usuário, de um tíquete de papel que poderá ser adquirido em mais de 300 estabelecimentos comerciais espalhados pela cidade, nos postos credenciados Transurc ou por um código bidimensional no próprio smartphone do usuário.

ENTENDA: essa foi a “solução” encontrada pela Transurc para cumprir determinação do Ministério Público do Trabalho que pedia o fim da dupla função do motorista

No caso do tíquete de papel, semelhante a um comprovante de compras, o código bidimensional é escaneado por um leitor instalado no validador da catraca.

Cada tíquete, no valor de R$ 4,50, pode ser utilizado apenas uma vez. O mesmo código bidimensional, após a instalação do app no smartphone, também será lido pelos validadores nos ônibus.