Mudança no 9º DP, em Campinas: plantão só com 1 funcionário

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 1 de Maio de 2017 às 09:18

Com informações do Correio Popular
O plantão do 9º Distrito Policial no Jardim Aeroporto, em Campinas, vai funcionar de porta fechada, com um funcionário público no atendimento, a partir desta segunda-feira.

Quem buscar atendimento terá de tocar a campainha.

A medida, segundo o delegado da 2º Delegacia Seccional, José Henrique Ventura, foi tomada para suprir a falta de funcionários em outras delegacias e na carceragem e investigação.

Até então, o plantão, que funciona de segunda a sexta-feira, das 18h às 9h, contava com oito policiais civis distribuídos em quatro equipes. Com a mudança, ficará apenas um. O DP também funciona em sistema de plantão nos finais de semana.

“A mudança foi feita com base em estatísticas. Tínhamos ali um plantão que recebe poucas ocorrências e daquelas que se pode registrar no horário de expediente. Os casos graves e flagrantes são todos encaminhados para o plantão da Seccional. Então não vejo motivo para manter dois funcionários em um local onde há pouco atendimento”, disse Ventura.

Segundo o delegado seccional, dos oito funcionários, dois eram carcereiros e dois investigadores, que já foram direcionados para locais que estão em falta. Os carcereiros foram transferidos para a cadeia anexa ao 2º DP, no bairro São Bernardo. E os investigadores foram distribuídos em delegacias da área.

“É uma situação emergencial que nos obriga a cobrir os postos mais importantes para que não haja prejuízo para o bom andamento do trabalho e nem para o atendimento da população”, disse.

Segundo Ventura, a porta ficará fechada, com a luz acesa. O plantonista ficará no prédio. “Tem poucas ocorrências ali. Tem dia que tem um registro. Até pensei em fechar, mas optamos por deixar para a região não ficar descoberta”, afirmou.

Para alguns servidores, a medida foi correta devido ao baixo movimento, mas para outros o maior problema é o isolamento do local, já que à noite a região é deserta, com pouca circulação de pessoas.

Os moradores acham importante o funcionamento do DP 24 horas, uma vez que transmite uma sensação de segurança.