Palácio do Papai Noel abre nesta segunda-feira em Campinas

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 4 de dezembro de 2017 às 08:56

Abre nesta segunda-feira o Palácio do Papai Noel, uma atração promovida pela Associação Comercial e Industrial de Campinas e Câmara dos Dirigentes Lojistas.

O Palácio ficará aberto gratuitamente ao público entre a segunda-feira, dia 4, e o dia 23 de dezembro.








“A Associação está muito orgulhosa de dar esse presente à cidade. A cada ano recebemos mais visitantes e é muito gratificante ver a alegria de todos que passam pelo palácio”, disse a vice-presidente da ACIC, Adriana Flosi.

A instalação ocupa 320 m², divididos em vários ambientes, os quais são percorridos pelos visitantes em cerca de 20 minutos.

São eles: a Sala Mágica, com doendes e fadas; as Salas da Neve, dois espaços que permanecem frios e nevando, onde as crianças podem se divertir. O espaço conta ainda com uma cascata e uma caverna com bonecos de ursos polares.

Na sequência, os visitantes passam pelo Túnel de Luz para chegarem à Praça do Coreto de Ursos. Nesse espaço, uma pequena vila à noite tem como principal atração um coral formado por bonecos de ursos.

Por fim, o Salão Dourado do Papai Noel, onde os visitantes serão recepcionados pelo Papai Noel e pelas mamães noéis.




Ao sair, as crianças de até 10 anos podem subir no Trenó do Papai Noel para tirar fotos.

A rua em frente ao Palácio, a Visconde do Rio Branco, terá um portal e barracas de comida e bebida fornecidas por participantes do programa Economia Solidária, da Secretaria de Trabalho e Renda da Prefeitura de Campinas.

A atração funcionará no Palácio da Mogiana, na Avenida Campos Salles na esquina com a Rua Visconde do Rio Branco, ao lado do CPAT (Centro Público de Apoio ao Trabalhador).

O prédio foi a sede administrativa daquela companhia ferroviária e sua primeira etapa de execução foi finalizada em 1891.

O projeto, da firma dos Irmãos Masini conta com de escadarias e hall de entrada revestidos com mármore e possui elementos decorativos relacionados diretamente à atividade comercial da companhia, como motivos de ramos de café e rodas de locomotiva.

Todo o conjunto forma também um importante patrimônio histórico e cultural de Campinas.