Parceria vai garantir que Hospital do Amor tenha estoque de carne

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 20 de novembro de 2017 às 16:26

Com informações da Gazeta do Povo
Uma das gigantes internacionais do setor de proteína animal, a Marfrig fechou uma parceria com o Hospital de Amor, referência nacional no tratamento contra o câncer, para fornecer carne de graça para as doze unidades mantidas pela instituição.

A parceria começa já em dezembro.








Ao todo, o hospital – que tem sede em Barretos, mas conta com polos de atendimento em oito estados – assiste 6 mil pacientes de todo o país, de forma 100% gratuita.

A assessoria de imprensa da Marfrig garantiu que a empresa se comprometeu a abastecer todas as unidades do Hospital de Amor, apesar de ainda não saber o total da quantidade de carne necessária.

“A iniciativa da Marfrig é fundamental para mantermos os programas gratuitos de excelência em tratamento, prevenção e diagnóstico precoce que beneficiam milhares de pessoas em todo o país”, afirma Henrique Prata, presidente do hospital.

“A economia gerada pela parceria ajudará a diminuir o déficit operacional de mais de R$ 21 milhões mensais em um momento de crescimento da nossa instituição.”

De acordo com a Marfrig, a parceria marca um novo momento para a empresa, que entra no mercado popular com uma nova linha da marca Montana, que vai ser usada no abastecimento do Hospital de Amor.

Criada no início dos anos 2000 pela dupla Chitãozinho e Xororó, a Montana foi comprada pela Marfrig Global Foods em 2006.

Até então, a marca era voltada ao mercado premium, para churrasco, mas agora a linha “dia a dia” amplia o leque com opções para o cardápio diário. De acordo com a companhia, a partir de dezembro, a Montana passará a representar 60% das vendas da divisão Beef da Marfrig no mercado interno.

“O consumidor brasileiro está cada vez mais exigente – e isso é muito positivo”, diz Martin Secco, CEO da Marfrig Global Foods.

Excelência em oncologia, o Hospital de Amor de Barretos registra 6 mil atendimentos por dia, 100% gratuitos. Acolhe pacientes de todo o Brasil, com profissionalismo e humanização. Com 55 anos de história, o Hospital possui diversas unidades de tratamento e prevenção.

Nas cidades de Barretos, Jales e Porto Velho (RO) encontram-se os hospitais que oferecem tratamento para as pessoas que já têm a doença.

Os Institutos de Prevenção, que realizam exames de diagnóstico precoce, estão presentes nas seguintes cidades: Barretos, Fernandópolis, Porto Velho (RO), Ji-Paraná (RO), Campo Grande (MS), Nova Andradina (MS), Juazeiro (BA) e Lagarto (SE) e Campinas.

Há projetos em andamento em Macapá (AP) e novas parcerias estão sendo fechadas em Rio Branco (AC) e com o estado de Mato Grosso para a construção de Centros de Prevenção.

Em Palmas (TO), o Hospital de Câncer de Barretos dará início à construção de um hospital para o tratamento da doença.