Vacina contra a gripe está liberada para todo mundo a partir de hoje

Postado por Redação Ônibus de Campinas em 5 de junho de 2017 às 09:32

Foto: Reprodução EPTV

O Ministério da Saúde decidiu disponibilizar a vacina contra a gripe a toda a população. Estados e municípios serão orientados a ofertar a vacina para todas as faixas etárias, a partir de hoje, enquanto durarem os estoques. A medida só é válida neste ano e foi adotada porque ainda há um estoque disponível de 10 milhões.

Até a última sexta-feira, 41,3 milhões de pessoas do público-alvo se vacinou contra a gripe em todo o país. As vacinas estão disponíveis nos 63 centros de saúde de Campinas. Até 31 de maio, foram aplicadas 229.281 doses. O número representa 71% dos 322.642 pessoas que fazem parte de algum dos grupos prioritários – idosos, gestantes, puérperas, crianças com até 5 anos, doentes crônicos, professores e trabalhadores da saúde.

Em Campinas, a meta é vacinar 90% das 322.642 pessoas consideradas público-alvo. De acordo com o Ministério da Saúde, até agora, apenas o Amapá atingiu a meta de vacinação.

Neste ano, a vacina protege contra as gripes A (H1N1 e H3N2) e B. A composição muda todo ano, de acordo com as cepas do vírus da gripe que estão em circulação no período. Por isso, é preciso receber a imunização anualmente. A vacina evita as complicações causadas pela gripe e doenças graves, como pneumonia.

As pessoas com doenças agudas graves e febre (moderada ou alta) devem esperar a melhora do quadro clínico para receber a dose. A vacina contra a gripe pode ser administrada simultaneamente com as demais vacinas, inclusive a de febre amarela.




Pra quem a vacina está disponivel?

A vacina contra a gripe está disponível nos postos para crianças de 6 meses a menores de 5 anos; pessoas com 60 anos ou mais; trabalhadores de saúde; povos indígenas; gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto); população privada de liberdade; funcionários do sistema prisional; pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis ou com outras condições clínicas especiais; e professores.

A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também se dá por mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz).

À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto; e não compartilhar objetos de uso pessoal.

A vacina demora cerca de 15 dias para fazer efeito.




O ODC te ajuda a chegar em alguns postos!

Se você quiser ir de ônibus para alguns postos de saúde, dê uma olhada nessas páginas, que mostram as linhas que passam em cada um deles!